Teleconsulta - que história é essa?


Antes de 2020 o atendimento médico à distância já era feito em algumas situações, mas é inegável que com a pandemia (e o isolamento) houve uma grande aceleração e disseminação dessa modalidade de consulta. Hoje, a teleconsulta é permitida e regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM).


Funciona como um atendimento médico presencial, com o prejuízo de não possibilitar o exame físico. Dependendo da doença e do caso individual de cada paciente, o exame físico tem maior ou menor importância na consulta. Caso você opte pela teleconsulta, isto será avaliado durante nossa conversa e, caso a visita presencial seja imprescindível, solicitarei sua presença (converteremos em um atendimento presencial) ou te encaminharei a um colega que atenda próximo da sua residência. Aliás, uma das grandes vantagens da telemedicina, além do conforto de não sair de casa, é romper os limites de município, estado e até país, possibilitando atendimento médico a longas distâncias! Excelente, não?


Para agendar a teleconsulta, as vias são as mesmas da consulta presencial (contato aqui). Ao fim da nossa conversa, enviarei as solicitações de exame/receitas/relatórios que sejam necessários. Atualmente as farmácias e laboratórios estão muito habituados a realizar o atendimento a partir de documentos médicos com assinatura digital.


A teleconsulta também tem a vantagem de permitir maior flexibilidade de horários (por não haver necessidade de comparecimento presencial ao consultório), então caso não haja um horário que seja bom pra você aqui, me mande uma mensagem! Ficarei feliz em buscar um horário que se encaixe na sua e na minha agenda.


Não deixe de cuidar da sua saúde. Em tempos de Covid-19, todas as outras doenças continuam existindo.


Com carinho, Dra Marília

14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo